Extracurriculares

A atividade física melhora a coordenação motora, a aptidão cardiorrespiratória e auxilia na prevenção da obesidade.

A fim de desenvolver ainda mais suas competências, os alunos podem participar de diversas atividades extracurriculares, como: Balé, Judô, Ginástica Rítmica, Futsal, Artes, etc.

CORAL

Participar do canto coral, além do próprio prazer de cantar, traz benefícios em diversas áreas do desenvolvimento, tais como:

  • social: a convivência em grupo e o respeito mútuo;
  • física: desenvolvimento dos pulmões e do raciocínio, flexibilidade dos órgãos de fonação, aperfeiçoamento da audição;
  • moral: ajuda na formação do caráter, pelas boas ideias contidas nas canções e pelo desenvolvimento do senso crítico, formando “bons ouvintes”.

No canto coral, não há quem apareça mais ou menos. Todas as vozes são importantes e fazem parte de um doar-se a si mesmo, de modo que a beleza venha exatamente daí, da diversidade e do sentimento de cada um.

FUTSAL

Uma variação do esporte mais popular do mundo e que já auxiliou na formação da maioria dos grandes jogadores do futebol brasileiro, o Futsal é um esporte muito dinâmico e divertido, que consegue unir habilidade e velocidade.

Na iniciação esportiva, ele é um grande aliado no desenvolvimento da coordenação motora global, da coordenação óculo-pedal e da noção espacial.

Venha fazer parte deste time!

Ballet

O Ballet é indicado por ser uma atividade física que trabalha todo o corpo, como poucas modalidades esportivas fazem.

Considerado como Arte Cênica, o ballet requer muita concentração a nível psíquico, e flexibilidade, coordenação e ritmo musical, a nível físico. Por isso se recomenda que essa atividade comece a ser praticada desde cedo, entre os 3 ou 4 anos de idade, quando o aparelho locomotor das crianças pode assimilar e interiorizar com mais facilidade e soltura os movimentos e técnicas da dança.

TEATRO

Educação Infantil

O Teatro para crianças de Educação Infantil é uma forma de autoconhecimento, de conhecimento do mundo e também de relacionamento com o outro. É fundamental pensar no teatro como experiência. É um momento de privilegiar o brincar, tão importante no desenvolvimento infantil.  Dar espaço para o faz-de-conta, para soltar a imaginação, para se colocar no lugar do outro através dos diversos papéis com os quais se toma contato. A ideia central é estimular o desenvolvimento dos pequenos nas atividades do teatro, sem o objetivo de promover o espetáculo.

Ensino Fundamental

A prática teatral oferece a oportunidade de a criança desenvolver suas potencialidades dramáticas, que são fundamentais não só para a expressão artística, mas também na arte de viver. Promove a ampliação da visão de mundo, desenvolve a consciência cultural e auxilia o indivíduo a se organizar em grupo. Proporciona o desenvolvimento da capacidade de expressão – relacionamento, espontaneidade, imaginação, observação e percepção -, estimula  a aceitação de regras, a intuição , o autoconhecimento, o senso crítico e o raciocínio lógico.

VIOLÃO

A Música encanta os corações e toca profundamente nossas emoções. Além disso, o aprendizado e a prática de um instrumento desenvolvem muitas habilidades psicomotoras, elevam a autoestima, aperfeiçoam a memória e o raciocínio. Tocar um instrumento estimula a superação, a disciplina, a socialização e o respeito consigo mesmo e com o outro, trazendo benefícios intelectuais e sociais comprovados cientificamente.

Venha aprender violão, um dos instrumentos musicais mais completos, capaz de envolver as pessoas com seus acordes e seu ritmo marcante.

JUDÔ

O Judô é um esporte educativo, adequado para todas as idades e voltado para o auxílio na disciplina e no desenvolvimento psicomotor das crianças. É uma atividade que pode ser iniciada a partir dos dois anos de idade, de forma adaptada, ajudando na socialização dos participantes desde a primeira aula. Auxilia também no desenvolvimento físico, com exercícios que visam ao fortalecimento e à flexibilidade.

Dentro das atividades do Judô, também são trabalhadas a liderança e a noção de hierarquia, por meio da graduação de faixas, que determinam os níveis técnicos de cada aluno.

Atualmente, a Unesco considera o Judô como o esporte mais completo para crianças e jovens entre 4 e 21 anos, por trabalhar vários aspectos necessários para o desenvolvimento.

Pesquisadores confirmam que, com a prática frequente do Judô, existe um aumento da massa cinzenta, já que o praticante busca, a todo momento, se equilibrar, realizando força em diversos músculos.

“Somente se aproxima da perfeição quem a procura com constância, sabedoria e, sobretudo, humildade.” Jigoro Kano - fundador do Judô.

GINÁSTICA RÍTMICA

É um esporte exclusivamente feminino, que combina dança e ballet com movimentos de muita expressão corporal, força e flexibilidade.

Com os aparelhos corda, fita, bola, arco e massas, as ginastas mostram toda sua elegância, suavidade, beleza e graça em coreografias muito criativas.

PIANO

Piano Suzuki – Leila Monarin

Conhecido como método da língua materna, baseia-se nos fundamentos da transmissão da língua materna.

Aplicado em todo o mundo, tem como princípio da sua filosofia a tríade PROFESSOR - ALUNO - PAIS.

Para crianças a partir de 3 anos.

Piano – Solange Bueno

Tocar piano não é hereditário, não é inato, é simplesmente educar e treinar o talento!

Estudar piano estimula a memória e a criatividade, desenvolve a coordenação motora fina e a lateralidade, melhora a percepção auditiva e sensorial. Tocar este instrumento é um desafio para vida, em que cada criança concorre consigo mesma, treinando a paciência e a perseverança, requisitos básicos para alcançar grandes objetivos. Nesse desafio, que exige esforço e disciplina, o apoio da família traz a segurança e o equilíbrio emocional, que no futuro irão agregar valores a qualquer profissão que venham a escolher.